Nilton Ramalho atua no Palco GZG do Sodade Festival

Nilton Ramalho junta-se à constelação do Palco GZG by Global Zouk Galaxy no Sodade Festival a 17 de junho! O inconfundível cantor e compositor cabo-verdiano apresentou-se ao Mundo da música enquanto integrante da boysband Quatro, sendo co-autor de sucessos como “Kazanga”; “Intentada”; “Ritmo d’Amor” ou “Angolana”. Embarcou a solo em 2009 com um “Dangerous” move que o colocou no top das tabelas de venda. A sua voz doce, o seu talento para a composição e a sua forte presença em palco fazem dele um dos mais singulares nomes da música moderna cabo-verdiana. “Si Bu Era Di Meu”; “Faze Amor”“Rainha” (ft. Chelsy Shantel) e “Criola Moda Bo” são temas de destaque que vieram comprovar o seu talento. Vais poder ouvi-los no De Doelen, em Roterdão.

O cantor e compositor, filho de cabo-verdianos, nasceu e cresceu em Roterdão, Holanda, rodeado de música. Desde o Funk de James Brown ao Reggae dos Steel Pulse, sem esquecer os ritmos crioulos e o Zouk dos míticos Cabo Verde Show. Estreia-se em 1997 com a boysband Quatro (Nilton Ramalho; Nelson Freitas; Adilson “ToetStar” Ben-David e Nelson Oliveira) na famosa compilação “Mobass”. O coletivo sentiu o sabor do sucesso ao primeiro lançamento com o tema “Hoje Em Dia”.

O inesperado hit “obriga-os” a cogitar a possibilidade de uma carreira e começam a planear o primeiro álbum. E assim nasce “4 Voz” que inclui o sucesso “Si Bu Kre”. Nilton assume um papel preponderante no grupo, sendo um dos compositores e uma das principais vozes. Voz essa que se destacou-se ao longo da discografia do coletivo. Em 2002 surge “Bem Conchê”, o segundo álbum do grupo que veio dissipar qualquer eventual dúvida. A obra é uma autêntica mina de ouro, com músicas de sucesso como “Kazanga”, “Meninas Bonitas” e “Dança Ma Mi”.

Em 2004 o grupo faz a sua “Última Viagem” em conjunto, seguida de uma alucinante tour e em 2009 Nilton estreia-se solo com o álbum “Dangerous”. Um passo perigoso que o colocou no top das tabelas de venda. “Si Bu Era Di Meu” foi o single de avanço. Produzido pela dupla M&N Pro, é provavelmente o tema de maior sucesso da carreira a solo de Nilton. O álbum inclui ainda “Para”, “Rainha” (ft. Chelsy Shantel) e “Por Favor”.

Em 2011, volta ainda mais forte com “Stronger”. Um álbum versátil, com composições em crioulo, inglês e francês, onde Nilton equilibra, de forma elegante e com a sua voz sedutora, músicas românticas com músicas mais batidas mais fortes. A tracklist inclui “Impossível”; “Criola Moda Bo” e “Nos Féria”. Neste trabalho, o artista contou com a colaboração de um leque de produtores de luxo como M&N Pro; ToetStar & Motafied Beatz; TLDreamz; Mr. Nino Productions e J. Beats & Street Smarts Ent. O trabalho discográfico valeu-lhe o prémio “Kizomba Artist Of The Year” em 2011.

Em 2013 sobe ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa, para uma atuação memorável com os Quatro no concerto “Nelson Freitas & Friends”. O grupo repete a proeza nesse mesmo ano em Angola para delírio dos fãs.

Nilton Ramalho é hoje um dos mais admirados e acarinhados artistas do panormama musical coabo-verdiano e é frequentemente convidado pelos seus colegas para colaborações. Entre os seus seus mais recentes singles destacamos “Ka Ta Oia Hora”; “Injusto”; “Dam Bo Mon” e “All Night”. Aguardamos ansiosos o seu próximo trabalho.

De lembrar que o Sodade Festival é o atual vencedor do prémio “Melhor Festival” nos Rotterdam Music Awards. Os ingressos estão disponíveis em sodadefestival.nl.

Mais de Nilton Ramalho

 

 


Por: Nilton Martins
Encontra-nos aqui:
Website http://globalzoukgalaxy.com
GZG Radio App https://bit.ly/gzgradioappstore
Facebook https://facebook.com/globalzoukgalaxy
Instagram https://instagram.com/globalzoukgalaxy
Instagram https://instagram.com/gzgradio
Twitter https://twitter.com/officialgzg
YouTube https://youtube.com/globalzoukgalaxy
Spotify https://spoti.fi/2CPjxKM

 

(46)

Nilton Ramalho atua no Palco GZG do Sodade Festival

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>